O conselho apartidário pede a Trump para iniciar a transição

ANÚNCIO

Um conselho consultivo apartidário sobre transições presidenciais instou o presidente Trump a iniciar o processo de transição – um dia após sua derrota eleitoral para Joe Biden.

“Instamos a administração Trump a começar imediatamente o processo de transição pós-eleitoral e a equipe de Biden a aproveitar ao máximo os recursos disponíveis sob a Lei de Transição Presidencial”, escreveu o Centro para Transição Presidencial em uma carta no domingo.

ANÚNCIO

Leia também: Trump não tem planos de conceder corrida presidencial a Biden

“Esta foi uma campanha muito disputada, mas a história está repleta de exemplos de presidentes que emergiram dessas campanhas para ajudar gentilmente seus sucessores”, disse o grupo.

Trump até agora se recusou a conceder a eleição a Biden, que no sábado foi projetado para ser o próximo presidente.

ANÚNCIO
O conselho apartidário pede a Trump para iniciar a transição
Foto: (reprodução/internet)

Em vez disso, o presidente afirmou repetidamente que Biden venceu por “votos ilegais”

No domingo, o advogado pessoal de Trump, Rudy Giuliani, disse que pretende abrir até 10 processos de última hora alegando fraude eleitoral.

Fique por dentro: Casos de coronavírus global excedem 50 milhões após pico de 30 dias

Para aumentar o atraso na transição presidencial, Biden ainda não foi formalmente reconhecido como o presidente eleito pela Administração de Serviços Gerais, uma agência independente do governo federal encarregada de fazê-lo.

A administradora da agência, Emily Murphy, foi indicada para seu cargo por Trump.

Traduzido e adaptado por equipe Folha BR
Fonte: New York Post

ANÚNCIO