Forças especiais acaba com ‘sequestro’ de petroleiro

ANÚNCIO
força especial no barco
Foto: (reprodução/internet)

Forças Especiais do Reino Unido deteve os 7 passageiros clandestinos fora da Ilha de Wight após suspeita de sequestro

O impasse de 10 horas foi encerrado por 16 membros do Special Boat Service (SBS) depois que um pedido foi feito pela polícia de Hampshire na noite de domingo, depois que o capitão do Nave Andromeda fez uma chamada de resgate. 

O navio-tanque deveria atracar em Southampton na manhã de domingo.

ANÚNCIO

Veja também: Interferência eleitoral do Irã é uma tentativa ‘desesperada’ dos EUA de minar as eleições, diz Teerã

A polícia de Hampshire disse ter recebido relatos de que vários passageiros clandestinos estavam a bordo do navio e fizeram ameaças à tripulação. Eles teriam embarcado em Lagos, Nigéria.

Um porta-voz da polícia disse: “Às 10h04 (hora local) de hoje (25 de outubro), foram levantadas preocupações à polícia quanto ao bem-estar da tripulação a bordo do navio, que estava situado a cerca de seis milhas da costa de Bembridge.”

O navio viajava na direção de Southampton, partindo de Lagos, na Nigéria.”

ANÚNCIO

Foi relatado que vários passageiros clandestinos estavam a bordo e eles fizeram ameaças à tripulação.

Após uma resposta de várias agências da polícia com apoio Dos militares e outros parceiros do serviço de emergência, sete pessoas foram detidas pela polícia. Todos os 22 tripulantes estão bem e em segurança.

A polícia está investigando este incidente e temos uma série de investigações a realizar para estabelecer todas as circunstâncias.

As forças especiais desceram sobre o tanque por meio de quatro helicópteros da Marinha Real após o anoitecer. 

O Ministério da Defesa chamou o incidente de “suspeita de sequestro” e disse que o secretário de Defesa Ben Wallace e a secretária do Interior, Priti Patel, autorizaram a operação em resposta a um pedido da polícia.

Wallace disse: “Elogio o trabalho árduo das forças especiais e da polícia para proteger vidas e proteger o navio. Em céus escuros e piora do tempo, todos devemos ser gratos por nosso bravo pessoal. As pessoas estão seguras esta noite graças aos seus esforços.”

Patel tuitou que agradece a ação rápida e decisiva da polícia e das Forças Especiais que conseguiram colocar a situação sob controle, garantindo a segurança de todos a bordo.

Os 22 tripulantes se trancaram na cidadela do navio, uma área segura do navio, protegendo-se contra os supostos sequestradores, de onde puderam entrar em contato com a guarda costeira que alertou a polícia.

Leia também: EUA dominam instituto russo para ataque a computadores

Um porta-voz do governo disse: “Em resposta a um pedido da polícia, o Secretário da Defesa e o Secretário do Interior autorizaram o pessoal das Forças Especiais a embarcar em um navio no Canal da Mancha para salvaguardar a vida e proteger um navio que estava sujeito a suspeita de sequestro.”

“As forças Especiais assumiram o controle do navio e sete indivíduos foram detidos. As investigações policiais vão agora continuar. Os relatórios iniciais confirmam a tripulação bem e bem.” Acrescentou.

Traduzido e adaptado por equipe Folha BR
Fonte: Newsweek e Breitbart

ANÚNCIO